free tracking

conspiradores

. Raquel

. Jorge Amorim

. Nuno Miguel Lopes

. Luís F. Alves

estamos aqui

e-mail

. Say NI

artigos recentes

. É assim que se brinca com o coração dos fãs!

. Avengers 2

. Em Julho de 2013... (Marvel Comics)

. Então careca?? O que se passou?

. O novo (e velho) Constantine

. Quanto pagas por uma morte?

. Será mesmo Superior?

. Ask the Kingpin (Parte 2 de 2)

. Ask the Kingpin (Parte 1 de 2)

. The Kingpin of Comics is back ...

links de comics

. Comic Book Resources

. DC Comics

. Image comics

. Kingpin of Comics (Site)

. Kingpin of Comics (Blog)

. Leituras de Bd e não só

. Marvel Comics

. Newsarama.com

. Silver Bullet Comics

. World of Manga and comics

. Luca BD

outros links

. Corusca

. Multitudo Design

. O Armário das Calças

. Sonhos Urbanos

arquivos

. Março 2006

. Abril 2006

. Maio 2006

. Junho 2006

. Julho 2006

. Agosto 2006

. Setembro 2006

. Outubro 2006

. Novembro 2006

. Dezembro 2006

. Janeiro 2007

. Março 2007

. Abril 2007

. Junho 2007

. Julho 2007

. Agosto 2007

. Outubro 2007

. Janeiro 2008

. Fevereiro 2008

. Março 2008

. Abril 2008

. Maio 2008

. Junho 2008

. Julho 2008

. Agosto 2008

. Setembro 2008

. Outubro 2008

. Novembro 2008

. Dezembro 2008

. Janeiro 2009

. Fevereiro 2009

. Março 2009

. Abril 2009

. Maio 2009

. Junho 2009

. Julho 2009

. Agosto 2009

. Setembro 2009

. Outubro 2009

. Novembro 2009

. Dezembro 2009

. Janeiro 2010

. Fevereiro 2010

. Março 2010

. Abril 2010

. Maio 2010

. Junho 2010

. Julho 2010

. Agosto 2010

. Setembro 2010

. Outubro 2010

. Novembro 2010

. Janeiro 2011

. Fevereiro 2011

. Março 2011

. Abril 2011

. Maio 2011

. Julho 2011

. Agosto 2011

. Setembro 2011

. Outubro 2011

. Novembro 2011

. Dezembro 2011

. Janeiro 2012

. Fevereiro 2012

. Abril 2012

. Junho 2012

. Julho 2012

. Agosto 2012

. Setembro 2012

. Outubro 2012

. Novembro 2012

. Dezembro 2012

. Janeiro 2013

. Março 2013

. Abril 2013

. Outubro 2014

RSS
Powered by Blogger
quinta-feira, setembro 29, 2011

Captain Atom #1 
Definitivamente, o melhor que este argumentista alguma vez escreveu. É verdade que isso não quer dizer muito, mas achei intrigante o suficiente para me prender, e vou voltar para o mês que vem. Veremos no que isto dá.

DC Universe Presents #1 
Para um comic sobre um protagonista do qual nunca gostei, até nem está mal, mas não está tão bom que o recomende. Não é mau, mas é evitável.

Riding Hood And The Outlaws #1 
Mau. Mau mau mau mau mau. Mau mau. Mau. Mesmo mau.

Blue Beetle #1 
Parece-me estranho estar a recontar do inicio a história de um personagem que só tem meia dúzia de anos, mas pronto. Não é mau. Mas gostei mais da primeira versão.

- Luís Alves

Etiquetas: , ,

saí­do da mente de Raquel às 7:34 da manhã
link do post | 0 comentários | voltar ao topo
terça-feira, setembro 27, 2011



Nightwing #1
Tinha saudades de ver o Dick Grayson no seu elemento, e não se pode dizer que isto seja um mau recomeço, mas há aqui cenas que me parecem não encaixar muito bem. Mas mesmo assim, continuo a gostar do protagonista, e vou continuar a ler.


Birds of Prey #1
Ok, gostei. Não me lembro de ter experimentado esta série antes, e sem a Oracle não me entusiasmava especialmente, mas isto tem um bom começo de intriga, acção porreira, e personagens de que gosto. Vai para a lista permanente.


Batman #1
Nunca pensei. Ainda há mais ou menos um mês tive uma conversa em que disse que achava o Greg Cappulo acabado em termos de carreira, e que ele nunca recuperaria de ter estado demasiado tempo associado ao Spawn. E afinal, agora faz isto. Impressionante. E a história também não é nada má.



Legion of Superheroes #1
Mais um daqueles comics em que a única coisa que mudou foi o número na capa. E neste caso, para mim isso não chega.

- Luís Alves

Etiquetas: , ,

saí­do da mente de Raquel às 7:29 da manhã
link do post | 0 comentários | voltar ao topo
domingo, setembro 25, 2011
Voltamos com a sétima parte das mini-críticas aos #1 da DC, pelo Luís.

Catwoman #1
Mamas mamas mamas mamas sexo. Não, tenho que ser justo. Isto é levezinho, e demasiado focado em mamas, mas não é verdadeiramente mau. Até me agrada imenso o facto da Catwoman sentir-se atraida pelo Batman em parte porque ele é a única pessoa constante da vida dela. Mas a cena de sexo no fim pareceu-me demasiado gratuita. Embora não tão má como a pintam.


Supergirl #1
Deixem-me começar por me juntar à maioria nisto: Gosto muito do uniforme novo, menos das cuecas em vez de calças ou saia. De resto, é mais uma história que é só um começo e pouco mais. A Supergirl chega à Terra e... Praticamente mais nada. Não sei se isto vai ser um comic bom ou mau, interessante ou não. Sei que para já, é vago demais. O que, agora que penso nisso, não costuma indicar qualidade futura...



Wonder Woman #1
Ok, NOJO! Não o comic, o comic é bom, muito bom mesmo, mas há aqui uma cena que... enfim. Adiante.


Green Lantern Corps#1 
Em todos os números desta série morrem pelo menos dois ou três Green Lanterns. Não sei como eles conseguem arranjar novos recrutas. Mas enfim. Apesar da renumeração, a série mantém-se na mesma. Se gostavam antes, vão gostar agora. Se não gostavam, não vale a pena meterem-se nisto agora. Se nunca leram, nunca se sabe, podem gostar. Mas há muitos comics melhores.

- Luís Alves

Etiquetas: , ,

saí­do da mente de Raquel às 9:25 da manhã
link do post | 0 comentários | voltar ao topo
sexta-feira, setembro 23, 2011
Várias bandas desenhadas portuguesas atingiram recentemente o top de vendas em lojas Fnac pelo país fora.

São eles Super Pig: Live Hate por Mário Freitas, Carlos Pedro, GEvan e Gisela Martins, pela editora Kingpin Books.


É de Noite Que Faço as Perguntas por David Soares, Jorge Coelho, João Maio Pinto, André Coelho, Daniel da Silva e Richard Câmara, pela editora Saída de Emergência.



Agentes do C.A.O.S.: A Conspiração Ivanov, por Fernando Dordio, Filipe Teixeira e Mário Freitas, pela editora Kingpin Books.



Etiquetas: ,

saí­do da mente de Raquel às 10:14 da manhã
link do post | 0 comentários | voltar ao topo
quinta-feira, setembro 22, 2011


Resurrection Man #1
Sempre gostei desta série, mesmo na encarnação anterior. Mas se a nova direcção é aquela que parece ser (anjos e demónios a lutar pela alma do protagonista), não me agrada. Ainda assim, estou disposto a esperar para ver.


Frankenstein: Agent Of SHADE #1
Gostei da história, mas a arte não me agrada nem um bocadinho. Mesmo assim, para quem gostar de monstros contra monstros, é uma boa escolha.


 Grifter #1
Isto pode vir a ser interessante, mas para já é tudo demasiado obscuro. E não ajuda o facto de aparentemente terem confundido horas com minutos. Seja como for, tem potencial.


 Mister Terrific #1
Sinto-me a afogar em exposition com esta série. A sério, é um autentico metralhar de factos, dados e personagens. Coisas a mais para fazer brilhar seja o que for. É pena, eu tinha esperança nesta série, porque gosto do protagonista, mas não vejo aqui grande habilidade.


Demon Knights #1
Entre bárbaros, feiticeiras, demónios, cavaleiros, e um nadinha de Excalibur, não é exactamente o meu tipo de história, mas ainda assim, gostei. Fica na lista, este.

Etiquetas: , ,

saí­do da mente de Raquel às 1:52 da tarde
link do post | 0 comentários | voltar ao topo
terça-feira, setembro 20, 2011


Deathstroke #1
Isto não vai dar para toda a gente, mas para quem gosta de acção impiedosa, pode servir. Detesto é o design novo do Deathstroke. Aquela espada, especialmente, não faz sentido nenhum.

Suicide Squad #1
Previsível, desagradável, personagens asquerosos, designs terriveis. E uma Amanda Waller magra. Não. Simplesmente não.

Superboy #1
Por um lado, isto é uma excelente introdução, e um bom começo. Por outro, apaga completamente a história de uma personagem que não só era bastante rica, como me agradava bastante. Portanto com este comic estão por vossa conta.



Batwoman #1
A história é interessante, mas ainda está muito no começo. E a arte, como sempre, é lindíssima. Esta série era uma aposta ganha à partida, e não desilude.

Etiquetas: , ,

saí­do da mente de Raquel às 5:00 da manhã
link do post | 1 comentários | voltar ao topo
domingo, setembro 18, 2011
Continuação das mini-críticas do Luís aos #1 da DC.




Green Lantern #1
Ainda não estou convencido de que o Sinestro funcione como Green Lantern, mas estou mais que convertido ao Hal Jordan como civil. Faltava alguma humanidade nesta série, pode ser que tenha vindo para ficar.


Batman and Robin #1

Mais uma vez, uma dinâmica completamente nova entre Batman e Robin. Gosto das mudanças que o Batman quer fazer, e gosto do facto do Damien o fazer parecer um gajo bem disposto.

Red Lanterns #1
Portanto, o Atrocitus está deprimido porque já não se sente tão raivoso, mas depois faz uma espécie de cena que lhe permite ver coisas e decide que já se sente raivoso o suficiente. Tudo isto enquanto conta a sua própria origem. Pronto. Já não precisam de ler isto.

Legion Lost #1
Banalíssimo. Tão banal, aliás, que nem me ocorre mais nada para dizer.

Etiquetas: , ,

saí­do da mente de Raquel às 1:36 da tarde
link do post | 0 comentários | voltar ao topo
terça-feira, setembro 13, 2011




Stormwatch #1
Chateia-me um bocado terem eliminado toda a história do universo Wildstorm. E chateia-me também a arte, que é fantástica em tudo o que não tem forma humana, mas no que toca aos personagens é muito fraca.
Por outro lado, gostei bastante da história, e gosto do facto do Martian Manhunter continuar a ser parte da Justice League, pelos vistos. E a ter que reintroduzir este pessoal, esta é a melhor maneira. Aprovado.



Action Comics #1
Este comic sim, teria sido uma boa escolha para iniciar o relançamento da DC.Apesar da personalidade que o Superman aqui apresenta ser mais estranha do que estamos habituados (ele aparece bem mais arrogante do que é costume, mas também mais inexperiente e com menos poderes), é um excelente comic. Não sei se gostaria tanto se a personalidade mais convencida fosse para ficar, mas isto é suposto ser só um ponto de partida, portanto por mim tudo bem.



Justice League International #1
Banalíssimo, e pior ainda por deixar implícito que as histórias antigas da JLI nunca aconteceram. Os personagens têm potencial, mas tudo o resto é chato e gasto.



Detective Comics #1
Se há coisa que eu gosto, é de evolução. E o Tony Daniel sem dúvida que tem evoluído muito como artista. Como escritor, no entanto, ainda é fraquinho, e mostra-o nesta história não tem rigorosamente nada digno de nota. Tirando o final, que sinceramente me deixa muitíssimo curioso para saber o que raio se passa, e o que vai acontecer a seguir.
O que se calhar significa que cumpriu o seu dever…

- Luís Alves

Etiquetas: , ,

saí­do da mente de Raquel às 7:30 da manhã
link do post | 0 comentários | voltar ao topo
domingo, setembro 11, 2011
Parte II (O Regresso) das mini-críticas aos #1 da nova DC.



OMAC #1
Até ver, foi a maior surpresa de todos os #1. Estava a contar que fosse uma bela bosta, mas revelou-se muito divertido, com a arte a imitar o Estilo Kirby na perfeição, e a escrita igualmente (e agradavelmente) antiquada. Sim, não se passa muita coisa, é só uma cena de porrada, basicamente. Mas caramba, passei-a toda com um sorriso na cara.


Men of War #1
Esta série parece querer fazer pelo exército o que o Gotham Central fez pela polícia. O que me agrada muito. E o melhor é que a equipa criativa parece ter capacidade para isso. Teremos que esperar para ver, mas pelo que me diz respeito, pelo menos por enquanto têm um leitor.


Hawk & Dove #1
Isto é desenhado pelo Rob Liefeld. Chega, ou precisam de saber mais?
Ok. A história não é má, tem potencial para vir a ser interessante, embora para já não seja nada por aí além. Vou dar-lhe mais um número ou dois. Já me habituei ao Liefeld há muito tempo.
E belo toque na escolha da morada do Hawk, por acaso. Quero ver quantas pessoas vão apanhar a referência. Não que tenha alguma coisa a ver com a história, mas agradou-me na mesma.


Green Arrow #1
Meh.



Batgirl #1
Gosto muito da arte, e gosto do facto de me terem imediatamente prendido à protagonista. E acima de tudo, gosto do facto de não terem eliminado a história rica que tem. Mas não consigo deixar de pensar que gostava mais da Bárbara Gordon como Oracle do que como Batgirl. É preconceito meu, admito, mas é assim.


- Luís Alves

Etiquetas: , ,

saí­do da mente de Raquel às 8:30 da manhã
link do post | 0 comentários | voltar ao topo
quinta-feira, setembro 08, 2011
Este vai ser o primeiro de uma série de posts escritos por um dos nossos membros da equipa, o Luís Alves, acerca dos #1 do reboot da DC. Estou eu a pô-los aqui no blog com acordo do Luís, que tinha colocado estas mini-críticas originalmente no Facebook.

Vamos passar então ao que interessa.


Justice League #1
Eu queria dizer algo sobre este número, porque tendo a importância histórica que tem, merecia algum comentário profundo. Mas não há nada de profundo para dizer. É um comic competente mas relativamente banal, e consequentemente falha como percursor de todo um Novo Universo DC. Não queria começar logo por dizer mal, mas infelizmente não tenho grande escolha.


Animal Man #1
Epá, que começo do caraças! O protagonista continua a ser dos melhores personagens da DC, a arte é algo fora dos meus gostos habituais, mas funciona muitíssimo bem, e a história é excelente! Essencial!


Swamp Thing #1
Confesso que nunca li muitas histórias do Swamp Thing, tirando para aí metade da fase escrita pelo Alan Moore. Mas fui-me mantendo ao corrente, e tanto quanto sei, isto é completamente novo. E é também, assumidamente, uma série de terror. Portanto estão avisados.Acima de tudo, é um excelente começo. Fiquei ansioso pelo próximo capítulo.E tenho que me lembrar de testar o truque da couve para dores de joelhos.


Static Shock #1
Isto do Homem-Aranha agora ter poderes eléctricos é fixe.Falando a sério, não há nada de errado com isto, tirando realmente ser demasiado próximo do molde tradicional do Homem-Aranha. Há diferenças, e espero que se foquem nelas no futuro, mas ainda não são o foco principal. O que, a meu ver, só prejudica.



Batwing #1
Gostei mais disto do que estava à espera. O protagonista é interessante, o contexto cultural em que ele se move também, e a história não é nada de extraordinário por enquanto, mas é uma boa introdução. É bem mais do que contava encontrar aqui.

- Luís Alves

Etiquetas: , ,

saí­do da mente de Raquel às 7:22 da tarde
link do post | 0 comentários | voltar ao topo


Conteúdo © Copyright 2006 Jorge Amorim, R e (Phi)lipe. Todos os direitos reservados.
As imagens usadas são propriedade dos respectivos donos.
Icons por Kevin Potts.